Tecnologia

OneWeb lança 36 satélites para montar rede global de internet rápida

A OneWeb lançou em órbita 36 satélites a partir de um cosmódromo no extremo leste da Rússia nesta quinta-feira, parte dos planos da empresa de ofertar acesso global de alta velocidade à internet. O lançamento, realizado pela Arianespace do cosmódromo Vostochny, elevou o número de satélites da empresa em órbita para 146. A frota é projetada para fornecer conectividade global de alta velocidade e baixa latência, disse a operadora de satélites. A OneWeb disse que este é o segundo de cinco lançamentos que permitirão que sua conectividade alcance todas as regiões ao norte de 50 graus de latitude até meados de 2021.


 "Esses serviços cobrirão o Reino Unido, Alasca, Norte da Europa, Groenlândia, Islândia, Mar Ártico e Canadá, e serão ativados antes do final do ano", disse.


"A OneWeb pretende então disponibilizar serviços globais em 2022", acrescentou. Os lançamentos da OneWeb foram retomados em dezembro, depois que a empresa emergiu de um processo de recuperação judicial com 1 bilhão de dólares em investimentos de um consórcio do governo britânico e da indiana Bharti Enterprises, seus novos controladores.


Fundada em 2014 pelo empresário Greg Wyler, a OneWeb planejava lançar cerca de 650 satélites em órbita terrestre baixa para fornecer internet global, mas teve dificuldade em levantar recursos para empreitada.