Brasil

Presidente da CNI lamenta o falecimento do jornalista Ricardo Boechat

Robson Braga de Andrade lembrou a atuação brilhante do jornalista ao longo de quase 50 anos de profissão e destacou que os pensamentos se voltam para a família e os amigos de Ricardo Boechat, assim como para todos os funcionários do Grupo Bandeirantes de Comunicação.

A Confederação Nacional da Indústria (CNI), lamenta profundamente o falecimento do jornalista Ricardo Boechat, cujo brilhante trabalho, nos diversos meios de comunicação pelos quais passou, ganhou o respeito e a admiração dos brasileiros.

Ao longo de quase 50 anos de vida profissional, Boechat se destacou pela inteligência, pelo amplo conhecimento e pela clareza na transmissão das notícias, especialmente nos campos da política e da economia.

O sucesso que teve nos jornais, no início da carreira, foi integralmente transferido para o rádio e à televisão, mídias nas quais passamos a acompanhar, diariamente, seus comentários sempre lúcidos e precisos, feitos de maneira livre, crítica e bem-humorada.

Neste momento de pesar, nossos pensamentos se voltam para a família e os amigos de Ricardo Boechat, assim como para todos os funcionários do Grupo Bandeirantes de Comunicação, em especial da Rádio BandNews e da TV Band, na intenção de que encontrem conforto no legado desse jornalista exemplar.